✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Seja um sócio torcedor do Club de Regatas Vasco da Gama ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ e inscreva-se no programa Sócio Torcedor Gigante ✠
Clique na Imagem

Caso de doping de Jóbson é inédito no futebol


( Arquivo Clic Esportes )

Ao ser flagrado pela segunda vez no exame antidoping, por uso de cocaína, antes de ser julgado pela primeira infração, o atacante do Botafogo Jóbson se tornou um caso inédito de doping. O médico Eduardo De Rose, diretor do departamento Antidoping do COB e membro do Conselho da Agência Mundial Antidoping, afirmou não ter conhecimento de outra situação igual a do jogador:

— Eu não tenho notícia de que tenha existido um caso igual a este anteriormente. Em 30 anos, de profissão, eu nunca vi um caso igual. Eu não sei responder se ele será banido porque eu não sei como os auditores do Tribunal de Justiça Desportiva da CBF vão entender essa sequência de resultados analíticos adversos — afirmou o Dr. Eduardo De Rose.

Segundo o médico, os auditores poderão entender o caso de Jóbson de duas maneiras diferentes para decidir sobre a reincidência, o que poderia eliminar o atleta do futebol:

— Tanto eles podem entender que, por não haver o primeiro julgamento, não houve uma reincidência, como eles podem entender que houve dois casos e, portanto, que houve reincidência. Eles também podem entender de julgar os casos juntos ou entender de julgar os casos separados. Se julgarem separados, quando sair a segunda decisão, já existindo a primeira, ele corre o risco de ser punido severamente — disse o especialista, que também informou que não há normas da Agência Mundial para casos como o de Jóbson.

Na última quinta-feira, a CBF divulgou o resultado do exame antidoping realizado após o jogo entre Botafogo e Palmeiras, no dia 6 de dezembro. O atacante já havia sido flagrado na partida entre o time carioca e o Coritiba, dia 8 de novembro.

Agora que estamos cientes do desdobramento do caso Jóbson, só nos resta aguardar o julgamento do TJD da CBF para ver o que vai acontecer com o jovem Jóbson Leandro Pereira de Oliveira, de 21 anos. Um garoto oriundo de família pobre, nascido em Conceição do Araguaia, e que estava vivendo um momento de deslumbramento em sua vida pela fama repentina, mas agora se vê diante de um abismo que parece não ter fim.


Se vc fosse o(a) juiz(a), daria uma 2ª chance a Jóbson ??


Um comentário:

  1. Olá,Roberto!

    Se eu fosse juíza(ai que chique!)daria uma chance de ele se recuperar.
    Ele deve ser penalizado,mas ter um trabalho eficiente contra a dependência química.
    O caso é triste e este jogador é talentoso.Lamentável!
    Um feliz natal repleto de paz,amor e esperança.Que a luz de Jesus brilhe em seu coração.
    Beijos!

    ResponderExcluir