✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Seja um sócio torcedor do Club de Regatas Vasco da Gama ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ e inscreva-se no programa Sócio Torcedor Gigante ✠
Clique na Imagem

Vasco joga mal e perde para o Olaria por 1 a 0.


Bem marcado, Coutinho não pôde livrar o Vasco da derrota.


O Vasco foi derrotado pelo Olaria, por 1 a 0, nesta noite de sábado, em Volta Redonda, pela 5ª rodada da Taça Rio. O Olaria conseguiu quebrar um jejum de 39 anos sem vencer o time de São Januário.


Com este resultado, o Vasco manteve os nove pontos. Mas a segunda colocação no Grupo B, ficou ameaçada pelo América, que tem sete pontos, e enfrenta o Boavista neste domingo, podendo ultrapassar os cruzmaltinos.

O Vasco teve um bom começo e logo aos seis minutos o meia Jeferson recebeu na ala direita, chutou cruzado e a bola passou perigosamente pelo goleiro Henrique. Um minuto depois, Paulinho arriscou de longe e mais uma vez assustou o goleiro.

Mas o Olaria estava com mais determinação e bem organizado taticamente e aos 12 minutos, abriu o placar no Estádio Raulino de Oliveira. Aleilson recebeu na direita, passou pela marcação e cruzou para Cacá, que só teve o trabalho de completar para as redes.

O Olaria manteve a pressão sobre o Vasco, dominando o meio-campo. Aos 15, Aleilson recebeu pela esquerda, cortou para o meio e chutou para a difícil defesa de Fernando Prass. No rebote, Araruama chutou forte e o goleiro vascaíno fez nova defesa.

Com a perda do meio-campo, o técnico Vagner Mancini resolveu tirar o zagueiro Gustavo, que já tinha recebido cartão amarelo, e colocou Souza. E o Vasco reagiu. Jeferson avançou pelo meio e chutou forte de fora da área, a bola passou raspando o travessão de Henrique e foi para fora.

Aos 31, Gian cobrou falta frontal e o goleiro defendeu o chute forte em dois tempos. Oito minutos depois, Philippe Coutinho finalmente apareceu. Em jogada pela direita, o atacante chutou forte e a bola pegou na rede pelo lado de fora. A torcida chegou a comemorar o gol que não aconteceu.

O Vasco voltou melhor para o segundo tempo e logo aos 6 minutos, Rafael Coelho recebeu de Coutinho, girou dentro da área e chutou. O goleiro Henrique fez grande defesa, rebateu a bola e Coutinho cabeceou, mas o goleiro do Olaria fez ótima defesa novamente.

Aos 13 Cacá quase fez contra depois de uma falta cobrada por Coutinho. Sem conseguir mostrar um bom futebol, a torcida voltou a hostilizar o técnico Vagner Mancini e a chamar o time do Vasco de "time sem vergonha".

Dodô foi para o jogo e, cada vez que tocava na bola, era muito vaiado. Aos 31, o Olaria perdeu mais uma grande chance com Aleilson que entrou pela direita, ficou cara a cara com Fernando Prass e tocou por cima.

Faltando cinco minutos para o fim, houve o lance mais polêmico. Após cruzamento de Assunção da esquerda, Cacá completou, Prass chegou a defender, mas o árbitro deu o gol. Em seguida, a bandeirinha anulou.

Quase no final, Coutinho ainda tentou fazer o gol de empate, mas acabou chutando a bola na rede pelo lado de fora. Ao terminar a partida o meio-campo Souza foi expulso após cometer falta violenta no adversário.

2 comentários:

  1. Oi,Roberto!
    A torcida diz que o sentimento não para.Vamos lá...rs.
    Abs!

    ResponderExcluir
  2. Ta feia a coisa brother, espero uma atitude do Dinamite antes que o Estadual va pro brejo.

    Abraço
    Jeferson

    ResponderExcluir