✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Seja um sócio torcedor do Club de Regatas Vasco da Gama ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ e inscreva-se no programa Sócio Torcedor Gigante ✠
Clique na Imagem

Vasco vence Atlético-GO com golaço de Nilton


Nilton comemora o golaço que deu inicio a vitoria do Vasco

O Vasco venceu o Atlético-GO por 2 a 0, neste sábado, pela 11ª rodada do Brasileirão, deixando a zona de rebaixamento. Nílton e Fumagalli marcaram para o Gigante da Colina, que ganhou varias posições na tabela. No próximo domingo, o adversário será o Flamengo, seu maior rival.

O jogo começou muito burocrático e foi assim até os 25 min, com um predominio de passes errados e sem inspiração por parte das duas equipes. O primeiro lance de perigo foi do Atlético-GO, saindo dos pés de Robston, em cobrança de falta com a bola explodindo no travessão.

O Vasco tocava a bola, mas não conseguia penetrar na área adversaria e Fágner era um dos poucos que se apresentava para o jogo, levantando bolas para a área. Até que aos 33 min, Nílton tratou de acordar a torcida cruzmaltina com um golaço de fora da área. De muito longe, ele recebeu, olhou para o goleiro Márcio e chutou forte no ângulo, fazendo Vasco 1 a 0.

Aos 42 min, foi a vez do Atlético-GO levar perigo para o gol cruzmaltino. Willian finalizou com um chute de fora da área, mas a bola saiu prensada à direita da baliza defendida por Fernando Prass.

As equipes voltaram para o 2º tempo com mais movimentação e logo ao 2 minutos, nova bola do Atlético-GO no travessão, desta vez com Pedro Paulo, livre pela esquerda. No contra-ataque, Fumagalli tentou assustar, mas acabou chutando fraco para gol de Marcio.

Aos 9 min, saiu o segundo gol cruzmaltino. O garoto Jonathan, em jogada de pura habilidade, carregou a bola pela esquerda livrando-se do seu marcador e passou para Nílton, que furou, a bola sobrou para Fumagalli que chutou de esquerda no ângulo, fazendo Vasco 2 a 0.

Os cruzmaltinos quase chegaram ao terceiro gol em lance curioso, aos 13 min. Após Dedé cabecear para a pequena área, Titi deu uma meia bicicleta, o goleiro Márcio se assustou e tirou com um tapa. No rebote, Nunes isolou por cima do travessão.

Aos 27 min, o mesmo Titi dividiu a bola com Rodrigo Tiuí, derrubando o adversario, o juiz assinalou o pênalti, em lance duvidoso. Robston, conhecido pela bomba que tem no pé direito, bateu fraco na bola e Fernando Prass pegou, para alegria da torcida cruzmaltina.

Com o placar garantido a seu favor, o time do Vasco passou a tocar a bola, enquanto que o Atlético-GO, seguia buscando o ataque, mas sem muito sucesso. Quase no final, os goianos chegaram a criar duas boas chances. Na melhor delas, Anaílson obrigou Fernando Prass a fazer boa defesa, mas ficou só nisso, até que o juiz apitasse o final da partida.

Nenhum comentário: