✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Faça a sua inscrição no programa Sócio Torcedor Gigante ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ ✠
Clique na Imagem

Trem Bala da Colina garante vaga na semi-final

Élton e Fagner, comemoram o gol da classificação

Foi sofrido, mas o apoio incondicional da torcida que lotou São Januário, foi fundamental para o time do Vasco conseguir o resultado que precisava diante do Atlético-PR. Os cruzmaltinos estão classificados para a semifinal da Copa do Brasil e agora terão pela frente o Avaí, na disputa pela vaga para a grande final da Copa do Brasil. O primeiro jogo será em São Januário.

Antes do time entrar em campo, o volante Rômulo sentiu a coxa e não pôde jogar, entrando Fellipe Bastos no seu lugar. O Furacão começou a partida assustando e, logo no 1º minuto, Guerrón chutou com perigo. A resposta do Vasco veio logo a seguir com Márcio Careca avançando pela esquerda e chutando forte. O goleiro Renan Rocha espalmou para frente, mas ninguém aproveitou o rebote.

Depois desse lance os cruzmaltinos tomaram conta do jogo, mas o adversário, vez por outra, assustava nas cobranças de faltas com Paulo Baier. Numa delas, o goleiro Fernando Prass teve que se esticar todo para salvar, no ângulo.

O Atlético-PR teve uma grande chance de gol no primeiro tempo, quando Guerrón recebeu de Branquinho, driblou o goleiro vascaíno e chutou para fora. Antes do intervalo, o Vasco ainda acertou a trave adversária por duas vezes, uma com Bernardo, em cobrança de escanteio, e outra com Dedé.

Precisando da vitória, o Atlético-PR partiu para cima no segundo tempo, mas foi o Vasco que teve a primeira chance de gol. Éder Luis disparou pela esquerda, rolou para trás e Felipe, de primeira, achou Bernardo livre, que perdeu um gol feito, chutando por cima.

O jogo seguia nervoso, e o time cruzmaltino procurando fechar os espaços, pouco atacava. A postura defensiva dos vascaínos acabou sendo castigada. Aos 28, o ex-vascaíno Madson, que acabara de entrar, deu bom passe para Nieto que tocou para o gol, em posição duvidosa, na saida de Fernando Prass.

A partir do gol adversário, o jogo ficou dramático, mas pelo que o time do Vasco vinha apresentando em campo, algo dizia que o placar adverso não permaneceria por muito tempo.

Atendendo a pedidos da torcida, Fagner e Élton entraram em campo, e foi aí que a justiça se fez presente, para alívio da enorme torcida, que lotava São Januário. Aos 34 min, em jogada que contou com a participação da dupla, Fagner cruzou da direita para Elton que acertou uma bela cabeçada, empatando a partida em 1 a 1.

O gol incendiou a torcida cruzmaltina, que passou a cantar sem parar até o fim do jogo. Pela terceira vez em quatro anos, o Vasco está nas semifinais da Copa do Brasil e tem grandes possibilidades de conquistar esse título. Para isso os cruzmaltinos tem que passar pelo próximo adversário que será o Avaí, para depois disputar a final com o vencedor do confronto entre Coritiba e Ceará.

6 comentários:

  1. Se o time entrasse com o centro avante Élton desde o inicio, provavelmente o jogo seria bem mais fácil pra o Vasco. Criamos boas oportunidades de gol, mas houve uma acomodação no inicio do 2º tempo e acabamos sofrendo um gol inesperado. Felizmente, o time mostrou a sua força e foi buscar o empate, com toda justiça, garantindo a vaga na semi-final da Copa do Brasil.

    ResponderExcluir
  2. Fala gente!!! O meu Vascão está no caminho certo só precisa mesmo do Elton no ataque. Mas ´imprecionante como a imprença da mas crédito ao flamengo concordo com nosso amigo Olariense . Com o Botafogo e Fluminense eles falam em crise. E o menguinho com o time fraco desse e com o maldoso do Ronaldinho a imprensa flamenguista ninguém fala. Saudações Vascaínas

    ResponderExcluir
  3. Sem badalações sem a força da mída, como já sabemos, em certos casos. Taí o Vasco pode levantar este caneco. Parabéns Roberto.

    ResponderExcluir
  4. O Gigante da Colina vai levar essa Copa do Brasil a torcida vai ignorar a ganâcia da Diretoria e vai lotar o Caldeirão quarta,Avaí tem um Grande Goleiro "até sinto um pouco de inveja" e só.O Vasco só precisa ser um pouco mais aficaz na finalização,e o Diego Souza chamar a responsábilidade pra ele,ter mais confiança e partir pra cima,tem que ser ele mesmo, é tático e o Ricardo Gomes está certo tem que insistir com ele.

    ResponderExcluir
  5. Olha, o FLA foi eliminado e a imprensa CARIOCA, na sua maioria rubro negra, está quietinha. Quando o JOEL saiu do BOTA "plantaram" uma crise até o FOGO sair do ESTADUAL e COPA do BRASIL... No FLU a imprensa plantou uma crise que só "acabaram" com a eliminação na LIBERTADORES. Agora ficam as perguntas se o VASCO tem chances de vencer a COPA do BRASIL, hehehe. Na minha opinião o VASCO é o franco favorito ao TÍTULO da COPA do BRASIL 2011, imprensa rubro-negra!!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Roberto quanto tempo ein !!!Bem estou aqui para fazer alguns questionamentos rs, será que já não está na hora do Vasco ascender novamente? será que não está na hora de voltar a ser gigante? será que a direitoria deve se esforçar para contratar alguém p fazer gol? Enfim, com tantos pqs, a única ceeteza é que esse time está pronto para vencer. Bjus !!!

    ResponderExcluir