✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Faça a sua inscrição no programa Sócio Torcedor Gigante ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ ✠
Clique na Imagem

Você acredita na seleção de Mano Menezes ?

Nova geração do Brasil estreia de olho em 2014

Chegou a hora da nova geração brasileira, provar o seu potencial e confirmar a expectativa depositada em Neymar, Ganso, Pato e Lucas. Para auxiliar a juventude promissora, craques consagrados mundialmente, como Julio César, Maicon, Daniel Alves, Lúcio, Elano e Robinho, todos com uma ou mais copas do mundo no currículo.

Com o apoio popular, o time de Mano Menezes inicia hoje, contra a Venezuela, às 16h, em La Plata, sua trajetória na Copa América, para, enfim, tentar resgatar a confiança do torcedor, depois da marcante eliminação para a Holanda, no Mundial de 2010, e, sobretudo, o futebol alegre e arte, deixados de lado na "Era Dunga".

Com seu primeiro teste de fogo na Seleção, Mano Menezes mostra confiança na transição da geração da Copa do Mundo de 2010 para a de Neymar & Cia. "É muito normal seguir essa trajetória com essa juventude pela qualidade que temos. Estamos fazendo isso na medida certa. Estamos no caminho certo”, ressaltou Mano.

Se para uns, a Copa América servirá como afirmação, para nove remanescentes da Copa do Mundo de 2010 (Julio César, Luisão, Daniel Alves, Maicon, Lúcio, Thiago Silva, Ramires, Robinho e Elano), a conquista terá um sabor especial. "É difícil pensar sobre isso, é um momento marcante e que todos que estavam lá ainda não esqueceram. O que eu me lembro de ter falado, depois daquele gol, é que os sonhos continuam e a perseverança pelos sonhos e objetivos também. E isso serviu para eu continuar", afirmou Lúcio.

Para esquecer o passado e sonhar com o futuro, o esquema adotado é ofensivo, com o quadrado mágico formado por Ganso, Robinho, Neymar e Pato. Com eles, a tendência é que o futebol arte brasileiro prevaleça. "Tomara que a gente consiga repetir o futebol alegre, com muitos gols e bonito, que o torcedor gosta", salientou Paulo Henrique Ganso, uma das principais apostas brasileiras.

Mano Menezes comandou a Seleção em oito amistosos, com cinco vitórias, um empate e duas derrotas. Para pôr fim às dúvidas sobre sua capacidade no comando da Seleção, Mano tem dura missão. Quebrar uma hegemonia argentina em edições de Copa América disputadas em solo Hermano, onde em oito disputadas eles venceram seis.

Agora é hora de passar por cima da pressão brasileira e levantar a terceira taça seguida e a quinta das últimas seis edições do torneio. A bola está em jogo, Brasil! E você! Acredita na nossa seleção ?

Nenhum comentário: