✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Seja um sócio torcedor do Club de Regatas Vasco da Gama ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ e inscreva-se no programa Sócio Torcedor Gigante ✠
Clique na Imagem

Vascão vence Palmeiras pela 2ª vez em São Januário

Bernardo fez um golaço de falta, a lá Juninho Pernambucano.
No segundo confronto seguido, entre as duas equipes, o Vasco derrotou mais uma vez o Palmeiras em São Januário, desta vez pelo Campeonato Brasileiro, por 1 a 0, com um bonito gol de Bernardo, de falta. O time de Ricardo Gomes repetiu o que tinha feito na última quinta-feira, quando derrotou o clube alviverde por 2 a 0, pela Sul-Americana.

No jogo deste domingo, o Vasco teve nem o zagueiro Dedé, que cumpriu suspensão no Brasileiro e nem o meia Diego Souza, expulso na derrota para o Botafogo. Pelo lado do Palmeiras, o meia Valdivia voltou ao time, no entanto o técnico Felipão, não pôde contar com Maurício Ramos, contundido, e o volante Marcos Assunção, suspenso. O goleiro Marcos, foi poupado, dando lugar a Deola.

O jogo começou com um susto. Aos 8min, em choque de cabeça com Dinei, Renato Silva desmaiou no campo por alguns instantes. Em 2010, quando jogava no São Paulo, o zagueiro passou pela mesma situação, em um clássico contra o Santos, após bater cabeça com o atacante Marcel. Tanto Renato, quanto Dinei voltaram a campo, minutos depois.

Ainda pouco entrosado com Anderson Martins na zaga, Renato Silva se complicou para sair jogando e, aos 14min, permitiu que a bola sobrasse limpa para Valdivia, que ficou frente a frente com o gol, mas desperdiçou a chance chutando para longe.

O Palmeiras tinha mais volume de jogo, porém pecava nas finalizações. A situação lembrava o 2º tempo da partida da última quinta-feira pela Sul-Americana, quando o time paulista criou boas chances e não conseguiu marcar, sofrendo um gol no final. A equipe alviverde teve outra boa oportunidade aos 21min, quando Dinei chutou fraco, em cima de Fernando Prass.

O Vasco levou perigo pela primeira vez apenas aos 28min, quando Juninho, em cobrança de falta, cruzou bem para a área e exigiu boa saída de Deola. O Palmeiras respondeu prontamente e, aos 33min, criou sua melhor chance. Kleber fez boa jogada pela esquerda, tirou a bola do goleiro Fernando Prass e deixou para Dinei, que chegou atrasado e foi travado por Anderson Martins.

Ainda na etapa inicial, Juninho mostrou estar com o pé calibrado e voltou a assustar Deola em duas cobranças de falta, aos 38min e aos 42min, sendo os últimos lances de perigo antes do intervalo.

A segunda etapa começou quente. Fagner fez falta dura em Luan, depois de receber um chega pra lá do adversário, em seguida os dois iniciaram uma discussão. Percebendo a queda de ritmo das duas equipes, Ricardo Gomes colocou Leandro no lugar de Éder Luis e Bernardo no lugar de Juninho.

Enquanto os palmeirenses caiam de rendimento, o Vasco começou a produzir mais. Aos 17min, Rômulo fez boa jogada individual e finalizou bem, mas Deola defendeu com as pontas dos dedos. Dez minutos depois, Bernardo recebeu bom passe de Felipe e acertou a trave de Deola. O Palmeiras respondeu aos 30min, com Maikon Leite, que entrou no lugar de Luan, finalizando mal a jogada, após cruzamento de Valdivia.

Instantes depois foi a vez de Bernardo obrigar Deola a fazer grande defesa em cobrança de falta. Mas o "talismã" cruzmaltino não parou por aí, e aos 35min, finalmente, abriu o placar para o Vasco. Cobrando falta com extrema categoria, Bernardo colocou a bola no ângulo direito de Deola, que nem se mexeu, fazendo Vasco 1 a 0.

A torcida cruzmaltina foi a loucura, fazendo a festa no caldeirão de São Januário, com o golaço do seu xodó Bernardo. Daí em diante, os cruzmaltinos dominaram o meio campo e passaram a tocar a bola, com inteligência, enquanto os alviverdes, desorientados em campo, pareciam não acreditar em mais uma derrota.

5 comentários:

  1. Mais uma vitória cruzmaltina, num jogo onde o Palmeiras esteve melhor no 1º tempo, mas não soube aproveitar as suas chances. Na 2ª etapa o Vasco cresceu com a entrada de Bernardo e Leandro, e acabou fazendo a dobradinha em cima do Verdão, com um lindo gol de Bernardo.

    ResponderExcluir
  2. O VASCÃO está comendo pelas beiradas...devagar e sempre a gente tá chegando perto do líder. Bernardo está aprendendo direitinho com o nosso reizinho a bater falta com categoria. Golaço!!! Uh! Vai prá cima! É o TREM BALA DA COLINA!!!

    ResponderExcluir
  3. Olá Roberto, mais uma vitoria do Vasco em que nosso time criou menos chances de gol que o Palmeiras, mas no futebol é assim quem nao faz acaba tomando. E foi em uma bela cobrança de falta que o Bernardo fez o gol do nosso Vascão. Em relaçao ao Renato Silva, é muito fraco, quase que o Valdivia fez o gol numa vacilada dele, sem falar que no jogo de quinta feira ele tambem bobiou numa bola que o atacante do Palmeiras não soube aproveitar.Gostei do Julinho como lateral, melhor que o MC. E é isso mais tres pontos e estamos perto do líder...Um abraço.SV

    ResponderExcluir
  4. Roberto, mais uma importante vitória, e o Vasco tá chegando hein. Cara, o Palmeiras foi superior, porém perdeu muitas chances de gol, e quem não faz, leva, e o Bernardo, q por sinal está em uma fase excepcional, fez um golaço. Msm não tendo sido brilhante, o q importa é a vitória e os três pontos. Parabéns, vlw!

    ResponderExcluir
  5. Roberto, o Vasco está na cola dos líderes e faz um belo brasileirão,não se acomodou com a vaga na liberta,isso é bom,prova que o grupo quer seguir na batida das vitórias...

    ResponderExcluir