✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Faça a sua inscrição no programa Sócio Torcedor Gigante ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ ✠
Clique na Imagem

Vascão vence Coxa e segue firme na briga pela liderança

Juninho comemora com Dedé mais uma grande vitória.

Aproveitando sua grande arma ofensiva, as cobranças de falta de Juninho, o Vasco derrotou o Coritiba por 2 a 0, em São Januário, nesta quinta feira, na reedição da final da Copa do Brasil. O Gigante da Colina chegou aos 41 pontos no Brasileirão, se tornando o melhor carioca na competição, deixando para trás o Botafogo que, no entanto, tem um jogo a menos.

No início da partida, logo aos 03 minutos, coube ao Coritiba criar o primeiro lance de perigo. Tcheco cobrou falta na área, Jumar desviou para trás e Fernando Prass jogou a bola para escanteio.

Errando muitos passes, o Vasco não conseguia chegar ao ataque e aos 23, o Coxa fez Prass trabalhar novamente. Rafinha soltou a bomba de longe e o goleiro espalmou. A partir deste momento, Juninho chamou a responsabilidade e começou a organizar o Gigante da Colina. E foi o próprio capitão cruzmaltino que conseguiu abrir o placar, bem ao seu estilo.

Aos 28, o camisa oito cobrou falta de longe com força, Vanderlei não conseguiu alcançar a bola, que ainda tocou no travessão antes de entrar. Antes do fim da primeira etapa, Elton, que substituiu Alecsandro, quase aumentou a vantagem cruzmaltina, mas pressionado pelo zagueiro, chutou para fora.

Na volta do intervalo, o Vasco começou a acertar mais passes e manteve a posse de bola. Aos cinco, Elton apertou a saída do Coritiba, e a bola sobrou para Eduardo Costa. O volante devolveu de calcanhar para o atacante, que chutou rasteiro. O goleiro Vanderlei, com o pé, salvou para escanteio.

Melhores na partida, os cruzmaltinos não demoraram muito para ampliar o placar. Aos nove, Juninho cobrou falta da esquerda para área e Rômulo, que nesta semana foi convocado para a Seleção pela primeira vez, cabeceou com força para o fundo da rede, fazendo Vasco 2 a 0.

Mesmo com a boa vantagem no placar, o Vasco continuou em cima. Aos 13, Elton entrou livre, cara a cara com o goleiro, mas chutou mal, perdendo um gol inacreditável.

A partir desse lance, o Coxa tentou reagir e foi para cima em busca do gol, mas o único lance que assustou os vascaínos foi um choque de cabeça entre Luccas Claro e Renato Silva. O zagueiro cruzmaltino levou a pior, chegando a desmaiar no gramado e foi levado de ambulância para o hospital, onde fez alguns exames, mas não corre nenhum perigo.



Após choque de cabeça, Renato cai desmaiado. Veja !!

Um comentário:

  1. Mais uma grande vitória do Vascão nesse difícil campeonato brasileiro. Destaque para Juninho, que chamou a responsabilidade e cobrou faltas com a sua categoria de sempre. Destaco também o Dedé que mais uma vez com uma firme atuação, não deu espaço para o ataque adversário. A lamentar o choque de cabeça entre Luccas Claro e Renato Silva, que felizmente, não passou de um susto.

    ResponderExcluir