✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Seja um sócio torcedor do Club de Regatas Vasco da Gama ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ e inscreva-se no programa Sócio Torcedor Gigante ✠
Clique na Imagem

Expressinho é derrotado pela altitude de Cochabamba

Fagner fez o lançamento par ao gol de Bernardo 

Com apenas dois titulares em campo, o time reserva do Vasco perdeu para o Aurora por 3 a 1, de virada, nesta quarta-feira, na altitude de 2.700 metros de Cochabamba, na Bolívia. A partida de volta da Copa Sul-Americana, será dia 26, em São Januário, e o Gigante da Colina precisa vencer, no mínimo, por 2 a 0, para conseguir a vaga nas quartas de final da competição.

O jogo começou com o time B do Vasco, mostrando uma superioridade que surpreendeu os bolivianos. A equipe da casa apelava para a violência desde o início do primeiro tempo, mas o Gigante da Colina não caiu na pilha e jogava com tranquilidade, levando perigo ao gol adversário.

Aos 35 minutos, Patric recebeu passe de Fagner, mas chutou fraco, perdendo uma boa chance. Cinco minutos depois, Fagner lançou para Bernardo, mas o passe foi longo demais, Lanz saiu muito mal e acabou encoberto pelo quique da bola. No desespero, ele ainda impediu o gol, espalmando a bola na trave, mas Bernardo pegou o rebote, e tocou para a rede, fazendo Vasco 1 a 0 .

Na volta para a 2ª etapa, os bolivianos entraram a todo vapor e, logo aos 4 min, empataram a partida. Depois de cobrança de escanteio, Nilton rebateu a bola que pegou no braço de Reinoso e sobrou para Villalba, que mesmo sem pegar bem na bola, acertou o gol.

Surpreendido pelo gol adversário, o time do Vasco partiu para o ataque e três minutos depois, respondeu com duas boas chances, mas, em ambas, o goleiro argentino Lanz, defendeu bem, evitando o segundo gol cruzmaltino.

O Vasco era melhor na partida, mas as constantes idas ao ataque, desguarneciam sua zaga improvisada, que atuava com Douglas e Nilton improvisado de zagueiro. Aos 11 minutos, após lançamento longo para área, Villalba desviou de cabeça, Andaveris ganhou de Nilton e chutou cruzado para o gol, na saída de Prass.

Aos 22 min, o centro avante paraguaio Villalba, que já tinha amarelo, se jogou na área de forma grotesca e foi expulso por simulação. A partir daí os bolivianos recuaram deixando apenas Reinoso na frente, para explorar sua velocidade nos contra ataques.

O Expressinho, foi de novo a frente em busca do empate, deixando a defesa aberta, com Nilton, que estava a oito meses sem jogar, no mano a mano com Reinoso. As chances eram criadas, mas o goleiro Lanz, que falhara no 1º tempo, veio para a 2ª etapa disposto a ser o grande herói da partida, fechando o gol do Aurora.

De tanto correr, os cruzmaltinos, sentiram os efeitos da altitude e não conseguiram tirar partido da vantagem de um homem a mais. Até que aos 28 min, em outra jogada de ligação direta, Reinoso disputou o lance pelo alto com Nilton, que ficou procurando a bola, o atacante foi mais rápido, e chutou sem deixar a bola cair, acertando o ângulo direito de Prass.

O Vasco ainda tentou diminuir, mas esbarrou na boa atuação do goleiro Lanz. A essa altura, o cansaço provocado pela correria na altitude de 2700m de Cochabamba, era evidente, e já se tornava o maior adversário para os reservas cruzmaltinos, que mesmo perdendo o jogo, mostraram uma garra impressionante.

2 comentários:

  1. Roberto, sei que cada jogo é diferente de outro, mas esse timeco do Aurora não tem como fazer frente ao time titular do Vasco, a classificação não é dificil não, mas jogo é jogo e o nosso expressinho perdeu nos próprios erros, poderia ter vencido lá e com tranquilidade, o goleiro deles foi o melhor em campo, apesar do frangasso, o timdeles foi muito violento e não entendi pq o Cristóvão não colocou o Elton, poi o Patrik é muito lento e não tem a mesma raça do Elton. Podemos reverter em casa até com o expressinho, desde que não cometam tantos erros.

    ResponderExcluir
  2. Concordo plenamente cm vc Marcelo!! O Expressinho perdeu nos próprios erros, poderia ter vencido com tranquilidade, o goleiro deles foi o melhor em campo, e o gol que Patric perdeu, o Élton faria sem a menor dificuldade. Mas vida que segue, aqui em São Januário, temos tudo para reverter esse resultado e conquistar a vaga com facilidade. Abçs !!

    ResponderExcluir