✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Assista os jogos do seu time no "Futebol ao Vivo" ✠ Seja também um Sócio Torcedor do Gigante da Colina ✠ Clique na aba "Sócio Gigante" e inscreva-se no programa de sócio torcedor do C. R. Vasco da Gama ✠
Clique na Imagem

Volante Abuda é apresentado pelo Vasco e já faz seu 1º treino

Volante já treinou neste sábado 
O Vasco apresentou na manhã deste sábado o volante Abuda como novo reforço do clube. Com a missão de substituir Allan, que está de saída para a Udinese (Itália), o jogador é uma aposta da diretoria para a sequência da temporada.

Com um apelido bastante famoso na torcida vascaína, Abuda revelou que ficou conhecido assim por causa do atacante, que jogou no Vasco em 2007. "É apelido. Ganhei no Paysandu. O treinador me deu esse apelido porque me comparavam com o Abuda, que jogou aqui no Vasco e no Corinthians. Mas as características não têm nada a ver", explicou o volante.

Com 23 anos, o jogador assinou contrato com o clube da Colina até o fim de 2014. Destaque do campeonato gaúcho, onde atuou pelo Cruzeiro-RS, Abuda relembrou as dificuldades no início da carreira.

"Saí de casa com 14 anos e fui para Belém. Eu morava no interior e tinha o sonho de dar uma vida melhor à minha família. Joguei no Paysandu e Tuna Luso. Depois, fui para São Paulo e joguei no Ferroviário. Depois, joguei na Primeira Divisão do Pernambucano e cheguei no Cruzeiro-RS".

Ciente de que vai precisar brigar para conquistar uma oportunidade no time, o atleta afirma que vai saber esperar o momento certo.

"Vou ter tranquilidade e pé no chão. Vou trabalhar forte e quando o treinador achar que tenho de jogar, aproveitar a oportunidade. Sou segundo volante, mais de saída e ajudo na marcação. Fiz um bom campeonato gaúcho e vim para o Vasco. Espero corresponder e dar alegrias à torcida", completa.

Abuda realizou seu primeiro treino em São Januário antes da apresentação. O volante correu ao redor do gramado e participou de uma atividade recreativa com Dedé, Abelairas e Renato Augusto.

Nenhum comentário:

Ser Vasco