✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Assista os jogos do seu time no "Futebol ao Vivo" ✠ Seja também um Sócio Torcedor do Gigante da Colina ✠ Clique na aba "Sócio Gigante" e inscreva-se no programa de sócio torcedor do C. R. Vasco da Gama ✠
Clique na Imagem

Vasco consegue mais uma vitoria na Taça Rio

Jogadores comemoram gol de Thiaguinho
Em seu primeiro compromisso após a eliminação na Taça Rio, o Vasco recebeu o Quissamã e conseguiu sua segunda vitória seguida na competição. Em dia marcado pela possível despedida de Dedé à São Januário, os cruzmaltinos foram superiores e decretaram o rebaixamento da equipe adversária ao vencer por 3 a 1.

Mesmo em dia de testes, a seriedade do Gigante era intensa. Mesmo eliminado antecipadamente, o Vasco entrou em campo deixando claro o objetivo de conseguir a vitória. Logo aos seis minutos, Bernardo deu belo passe para Dakson, que chutou cruzado e viu Ricardo espalmar para escanteio. Sem muitos espaços para criar, o Quissamã só conseguiu responder aos 14 minutos, mas na hora do chute de Leo Miranda, Dedé interceptou na hora certa e aliviou o perigo.

Mais consistente na partida, o Vasco buscava o gol a todo custo. Aos 16 minutos, os donos da casa voltaram a causar perigo e novamente através do jovem Dakson. Após boa jogada, a promessa vascaína deu belo passe para Thiaguinho, que acabou batendo mal na bola, diferentemente de Bernardo, que aos 28 arriscou uma bomba e viu a bola passar perto do gol adversário.

Pressionando o Quissamã, o Vasco ainda esboçou a tentativa pela troca de passes e aos 30 minutos uma bela triangulação quase resultou em gol. Após boa tabela com Tenorio, Elsinho recebeu dentro da área mas acabou interceptado pela zaga adversária. Se defendendo de todas as maneiras, o Quissamã não conseguiu impedir o sucesso da pressão vascaína. Após cruzamento de Thiaguinho, Dedé pulou mais alto que a zaga e desviou de cabeça para abrir o marcador na Colina.

Dois minutos depois de ter aberto o placar, o Vasco seguiu pressionando e voltou a conseguir seu objetivo. Em cobrança de falta no lado esquerdo, Bernardo cruzou para a área e Tenorio subiu sozinho para marcar o segundo do Gigante e ampliar a vantagem, fato que não durou por muito tempo. Em pênalti cometido por Dedé, Gustavo diminuiu para os visitantes aos 38 minutos.

Diferentemente da pressão e das boas jogadas criadas pelo Vasco no primeiro tempo, a segunda etapa começou sem muitas emoções. Com muitos erros, as equipes demoraram a se reencontrar no jogo, e a primeira boa chance surgiu apenas aos 15 minutos, quando Thiaguinho arriscou colocado, mas viu Ricardo fazer boa defesa.

Uma nova chance ocorreu aos 20 minutos e novamente pelo lado vascaíno. Após receber belo passe, Bernardo arrancou com velocidade, mas prensado, acabou arriscando de fora da área e mandando para fora no último lance antes do tempo técnico do segundo tempo. Após a paralisação o Vasco logo voltou a apostar na posse de bola, quatro minutos depois do retorno ao gramado, o Gigante teve uma bela chance interceptada pelo zagueiro Bruno Reis e no lance seguinte foi a vez do goleiro Ricardo salvar o Quissamã por duas vezes.

Precisando da virada para evitar o rebaixamento antecipado, o Quissamã tentava de todas as formas burlar a defesa vascaína e conseguir o resultado positivo. No entanto, os esforços não foram suficientes e os visitantes acabaram tomando o terceiro gol aos 45 minutos, quando Thiaguinho cobrou pênalti com tranquilidade e decretou de vez o rebaixamento do Quissamã para a Série B do Cariocão.

Nenhum comentário:

Ser Vasco