✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Faça a sua inscrição no programa Sócio Torcedor Gigante ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ ✠
Clique na Imagem

Flamengo e Vasco ficaram no empate, em Brasília

Pedro Ken se arriscou no ataque, mas sem sucesso
Em um clássico de pouca técnica e muitas faltas, Flamengo e Vasco empataram em 1 a 1, neste domingo, no Mané Garrincha. Com o resultado, o Vasco foi para 29 pontos e está agora, em 17º lugar no Brasileiro, abrindo a zona da degola.

O próximo jogo do Vasco, será contra o Fluminense na quarta-feira, às 21h50, em Florianópolis. O Gigante da Colina jogará fora do Rio, porquê cumpre a punição por perda de mandos de campo, devido a briga de torcedores no jogo contra o Corinthians.

O primeiro tempo foi de muitas faltas, passes errados e poucas chances de gol. O Flamengo encontrava dificuldade em chegar com perigo e não acertava o último passe. O Vasco era refém das bolas paradas de Juninho. O árbitro Ricardo Marques Ribeiro (MG) aliviou o lado dos dois clubes. Wallace meteu a mão na bola e escapou de levar o amarelo. Depois, fez falta em Fagner e levou a punição. Ou seja, era para ter sido expulso. Juninho também se livrou de levar o vermelho. Ele entrou de sola em Paulinho e recebeu apenas o cartão amarelo.

O Flamengo tentava explorar os lados do campo. Em um contra-ataque pela esquerda, Paulinho rolou para Hernane, mas o chute do Brocador foi no meio do gol e Diogo Silva defendeu com facilidade.

O Rubro-Negro encontrava espaços pela direita e conseguiu abrir o placar em jogada pelo setor. Cris não cortou o lançamento e viu Paulinho descer livre. O atacante cruzou para Hernane que completou para o fundo da rede, fazendo Fla 1 a 0.

O Vasco sentiu o golpe, mas o Fla não aproveitou. O primeiro tempo terminou 1 a 0. O Vasco voltou para o segundo tempo com duas mudanças: André e Willie entraram. Dorival Júnior tirou Edmílson e Juninho. O Flamengo logo assustou em cobrança de falta de Chicão, mas foi time cruzmaltino que marcou logo em seguida.

João Paulo não conseguir cortar  o lançamento de John Cley e viu Willie tocar para rede, na saída de Paulo Victor, empatando a partida em 1 a 1. Logo a seguir, Dorival foi expulso após reclamar da arbitragem: Wallace segurou a bola com a mão e escapou de levar o vermelho de novo. Jayme de Almeida fez a primeira substituição: Luiz Antônio no lugar de Carlos Eduardo.

O Vasco quase virou. Yotún recebeu de Marlone e chutou cruzado. A bola passou pela área e saiu. O técnico rubro-negro fez a segunda mudança, colocou Gabriel na vaga de André Santos. O jogo era fraco tecnicamente. Os erros de ambas equipes. Jayme fez a terceira mudança: Rafinha no lugar de Paulinho. O panorama não mudou. O clássico terminou empatado. Um resultado justo e ruim para os dois.

Nenhum comentário: