✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Assista os jogos do seu time no "Futebol ao Vivo" ✠ Seja também um Sócio Torcedor do Gigante da Colina ✠ Clique na aba "Sócio Gigante" e inscreva-se no programa de sócio torcedor do C. R. Vasco da Gama ✠
Clique na Imagem

Vasco sai na frente, mas cede empate para o Bragantino

Com Douglas bem marcado, faltou criatividade
Bragantino e Vasco fizeram um jogo sem muitas emoções nesta terça-feira em Bragança Paulista. Quando tudo parecia caminhar para um zero a zero, o time cruzmaltino saiu na frente. Poucos minutos depois, os donos da casa empataram o jogo que terminou mesmo em 1 a 1, na noite fria, na cidade do interior paulista.

Na próxima rodada, o Vasco enfrenta a Portuguesa, às 16h20, no Estádio Raulino de Oliveira. Enquanto isso, o Braga volta a campo contra Vila Nova, no mesmo dia, às 21 horas, no Serra Dourada.

O primeiro tempo entre Bragantino e Vasco foi bastante disputado no meio-campo e com bastante carência ofensiva para os dois lados. Ambas as equipes não conseguiram ter muita velocidade por isso as oportunidades foram raras. A equipe de São Paulo teve as melhores chances da primeira etapa, uma na metade e a outra no fim.

Aos 27 minutos, o Bragantino teve a sua melhor oportunidade da partida. Cesinha cruzou a zaga do Vasco não cortou e Robertinho chutou forte carimbando a trave da equipe carioca. Aos 44 minutos, os dois jogadores criaram outro lance de perigo para os paulistas. Desta vez, Cesinha finalizou de cabeça, boa jogada de Robertinho, mas a bola foi para fora.

O segundo tempo começou ainda mais sonolento. As duas equipes congestionavam o meio-campo e as chances rarearam ainda mais. Por conta disso, Adilson resolveu mexer na equipe. Rafael Silva e Montoya entraram nos lugares de Biteco e Yago. E a estrela do treinador deu certo. Rodrigo cobrou falta de longe, Renan soltou e Montoya colocou para o fundo das redes.

Quando parecia que o Cruzmaltino traria os três pontos para o Rio de Janeiro, os paulistas chegaram ao empate. Após cruzamento, a zaga do Vasco parou e Robertinho cabeceou para o fundo das redes dando números finais ao confronto.

Nenhum comentário:

Ser Vasco