✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Assista os jogos do seu time no "Futebol ao Vivo" ✠ Clique na aba "Caldeirão Vascaíno" e acompanhe o programa toda segunda feira às 21 hs ✠ Seja um Sócio Torcedor do Gigante da Colina ✠ Clique na aba "Sócio Gigante" e inscreva-se no programa de sócio torcedor do C. R. Vasco da Gama ✠
Clique na Imagem

Vasco vence o Flamengo por 1 x 0 e está na final do Carioca

Gilberto cobrou o pênalti com perfeição
O Vasco será o adversário do Botafogo na final do campeonato carioca. O Cruzmaltino venceu o Flamengo, por 1 a 0, com um gol de pênalti cobrado por Gilberto e vai lutar para quebrar o jejum de 12 anos sem títulos na competição. A marcação da penalidade foi muito contestada pelos rubro-negros. No lance, Serginho invadiu a área e foi derrubado por Wallace. Com o triunfo o Gigante da Colina quebrou uma sequência de 11 jogos sem vencer o seu maior rival. O Gigante e o Glorioso voltam a decidir um Estadual, depois de 18 anos.

A partida começou bastante equilibrada no Maracanã. A primeira chance foi do time da Colina. Luan ajeitou para Julio dos Santos e o paraguaio mandou, de cabeça, para fora. Luan teve outra chance de cabeça, mas desperdiçou. A resposta do Flamengo veio rapidamente com Everton. O meia recebeu de Alecsandro e, na marca do pênalti, manda para fora.

Depois da parada técnica, o Rubro-Negro levantou a torcida por duas vezes. Na primeira, Luiz Antonio cobrou falta com perigo e a bola passou perto do gol, tocando na rede pelo lado de fora. Na segunda, Alecsandro se antecipou no cruzamento e Martín Silva fez uma bela defesa, no reflexo.

Aos 30 minutos do 1º tempo, quatro cartões amarelos já haviam sido distribuidos. Três para o Vasco: Christiano, Guiñazú e Gilberto, e um para o Flamengo: Pará. Depois de um primeiro jogo violento, o árbitro Rodrigo Nunes de Sá buscava parar o jogo, com faltas, para não deixar os ânimos se exaltarem.

Na volta do intervalo, Doriva e Vanderlei Luxemburgo mexeram nas equipes. Saíram Luiz Antonio e Marcinho e entraram Arthur Maia e Dagoberto. Aos sete minutos, o primeiro lance polêmico. Rafael Silva cabeceou e Paulo Victor evitou o gol, apesar do goleiro ter passado da linha de gol na sua defesa, o auxilar considerou que a bola ficou em cima da linha e não assinalou o gol cruzmaltino.

Logo depois, outro lance bem contestável decidiu a partida. Serginho entrou na área em velocidade, e foi derrubado por Wallace. O árbitro marcou o pênalti que Gilberto converteu, fazendo 1 a 0 para o Vasco. Na comemoração, os jogadores cruzmaltinos subiram a rampa que dá acesso a torcida no Maracanã. 

O Flamengo se desconcentrou com o gol sofrido e pouco criou. O Vasco teve a chance de ampliar com Dagoberto e Benardo. Porém, mesmo mal no jogo, o Rubro-Negro ainda lamentou uma última chance perdida por Gabriel, que parou nas mãos de Martin Silva.


FICHA TÉCNICA
Flamengo 0 x 1 Vasco
Estádio: Maracanã
Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá
Público Presente: 53.134 torcedores
Renda:  R$ 2.420.610,00 milhões
Cartões Amarelos: Pará (FLA, 10' do 1ºT), Gilberto (VAS, 24' do 1ºT), Guiñazú (VAS, 27' do 1ºT), Christiano (VAS, 30' do 1ºT), Julio dos Santos (VAS, 10' do 2ºT), Bressan (FLA, 15' do 2ºT), Wallace (FLA, 19' do 2ºT), Rafael Silva (21' do 2ºT), Eduardo da SIlva (FLA, aos 47' do 2ºT)
Cartões Vermelhos: nenhum
Gols: Gilberto (VAS, 16' do 2ºT)

Flamengo: Paulo Victor, Pará, Bressan, Wallace e Pico; Jonas, Márcio Araújo e Luiz Antonio (Arthur Maia, intervalo); Everton (Gabriel, 25' do 2ºT), Alecsandro e Cirino (Eduardo da Silva, 25' do 2ºT). Técnico Vanderlei Luxemburgo.

Vasco: Martín, Madson, Rodrigo, Luan e Christiano; Serginho e Guiñazu; Julio, Marcinho (Dagoberto, intervalo) e Rafael Silva (Bernardo, 21' do 2ºT); Gilberto (Lucas, 35' do 2ºT). Técnico Doriva.

Nenhum comentário:

Ser Vasco