✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Seja um sócio torcedor do Club de Regatas Vasco da Gama ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ e inscreva-se no programa Sócio Torcedor Gigante ✠
Clique na Imagem

Vasco vence Flamengo e encerra jejum de vitórias no Brasileirão

Riascos fez o gol que deu a vitória ao Vasco
Demorou, foi suada, mas finalmente veio a primeira vitória do Vasco no Brasileirão. E justamente contra o seu maior rival, o Flamengo. Em um jogo muito fraco tecnicamente, o Cruzmaltino soube aproveitar a sua melhor chance no jogo e com um gol de Riascos derrotou o Rubro-Negro por 1 a 0 neste domingo, na Arena Pantanal, em Cuiabá. Apesar da vitória do Gigante da Colina, os dois times seguem na zona de rebaixamento.

Estreando no banco do Cruzmaltino, o técnico Celso Roth já colocou um pouco de sua filosofia no time da Colina, que entrou com uma proposta de mais organização defensiva e foi bem nesse quesito. Já o Fla teve mais posse de bola, mas não sabia o que fazer com ela.

Foi a primeira vitória do Vasco no Brasileirão e tirou o Cruzmaltino da lanterna, que agora com seis pontos, subiu para a 19ª colocação. Na próxima rodada, o Gigante da Colina recebe o Avaí, na quarta-feira, às 19h30, em São Januário.

O gol do Vasco veio justamente em sua jogada mais forte durante toda a temporada: pela direita com Madson. O lateral foi lançado livre, já que Anderson Pico escorregou e não o acompanhou, chegou bem pelo lado de campo e levantou para Riascos testar firma no meio do gol, sem chances para César.

O JOGO
O início do jogo em Cuiabá já mostrava qual seria a tônica do jogo: Flamengo com posse de bola e Vasco buscando o contra-ataque. Mas logo no primeiro minuto quem chegou com perigo foi o Cruzmaltino com Jhon Cley, que não conseguiu aproveitar a falha de César em saída do gol Com o jogo muito truncado e baixa qualidade técnica, ambos os times tentavam criar chances no erro do adversário.

Mais organizado, o Vasco conseguia criar boas jogadas, principalmente pelo lado direito de ataque. E foi ali que o Cruzmaltino achou a jogada do gol. Madson foi lançado e entrou livre pela direita após Pico escorregar. O lateral teve espaço para cruzar e achou Riascos, livre dentro da área, que só teve o trabalho de cabecear com precisão para abrir o placar na Arena.

Atrás no placar, o Flamengo teve ainda mais obrigação de sair para o ataque, mas pecava e muito na saída de bola, abusando nos erros de passes, protagonizando algumas cenas bizarras em sequência. Mais bem postado e com a vantagem na mão, o Vasco se fechou na defesa, esperando uma chance de contra-ataque para tentar tranquilizar ainda mais o jogo. Ajudando no ataque e atrás, Riascos era o melhor em campo no primeiro tempo.

Pelo lado rubro-negro, Anderson Pico era constantemente vaiado pela torcida e errava lances em sequência. Somente aos 41 o lateral conseguiu acertar alguma coisa e colocou Charles para trabalhar, após cruzamento venenoso na área, obrigado o arqueiro do Vasco a sair do gol para afastar o perigo.

Na volta para o segundo tempo, Cristóvão resolveu tirar Pico e colocou Alan Patrick em campo para dar mais consistência no meio do Flamengo. E a alteração surtiu efeito nos primeiros minutos. Em duas jogadas seguidas, o meia armou boas ações ofensivas, e na melhor delas encontrou Canteros livre na entrada da área, que finalizou com perigo ao gol de Charles. Logo depois, Alan fez mais uma boa jogada e serviu para Sheik chutar próximo da meta cruzmaltina.

Apesar do bom início de segundo tempo, o Flamengo voltou a cometer os mesmo erros da primeira etapa. Com 70% de bola, o Rubro-Negro tinha o jogo nas mãos, mas abusava demais dos passes errados. Satisfeito com o resultado, o Vasco se segurava na defesa e esperava uma chance para matar o jogo.

Porém, aos 34, o Fla teve a melhor chance no jogo para conseguir o empate. Wallace dominou a bola dentro da área após escanteio e ajeitou para Alan Patrick finalizar, exigindo defesa espetacular de Charles, a primeira na partida.

Na base do abafa, o Rubro-Negro começou a criar algum perigo ao gol cruzmaltino, principalmente nas bolas alçadas na área. Porém, sem êxito algum. Em uma partida fraca tecnicamente, o Vasco conseguiu sua primeira vitória no Brasileirão graças a uma boa chance de gol que teve e soube aproveitar.

FICHA TÉCNICA

VASCO 1x0 FLAMENGO
Estádio: Arena Pantanal
Público e Renda: 14.010 pagantes/16.602 presentes/R$ 1.154.950,00
Árbitro: Héber Roberto Lopes
Gol: Riascos (Vasco, aos 15' do 1ºT)
Cartões Amarelo: Serginho, John Cley, Charles, Madson (Vasco)
Cartões Vermelho: -
VASCO: Charles, Madson, Anderson Salles, Rodrigo e Christiano; Guiñazu, Serginho, Jhon Cley (Rafael Silva, aos 12' do 2ºT) e Julio Cesar; Riascos (Thalles, aos 14' do 2ºT) e Gilberto (Lucas, aos 24' do 2ºT). Técnico: Celso Roth
FLAMENGO: César, Luiz Antonio, Wallace, Samir e Anderson Pico (Alan Patrick, intervalo); Jonas, Canteros, Márcio Araújo e Everton (Paulinho, aos 24' do 2ºT); Eduardo da Silva (Marcelo Cirino, aos 18' do 2ºT) e Emerson. Técnico: Cristóvão Borges

Nenhum comentário: