✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Assista os jogos do seu time no "Futebol ao Vivo" ✠ Clique na aba "Caldeirão Vascaíno" e acompanhe o programa toda segunda feira às 21 hs ✠ Seja um Sócio Torcedor do Gigante da Colina ✠ Clique na aba "Sócio Gigante" e inscreva-se no programa de sócio torcedor do C. R. Vasco da Gama ✠
Clique na Imagem

Vasco derrota o América-RN pela Copa do Brasil e diminui a pressão

Biancucchi comemora o 3º gol do Vasco
Para amenizar a pressão que ronda São Januário, o Vasco partiu em busca de uma vitória na Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira, o Cruzmaltino deu uma pausa no Campeonato Brasileiro e foi feliz ao conquistar um resultado importantíssimo de 3 a 1 sobre o América-RN, pelo jogo de ida. Herrera, Anderson Salles e Emanuel Biancucchi marcaram os os gols que deram a vitória ao Gigante da Colina. Com o resultado, a equipe cruzmaltina deu um grande passo para classificação a próxima fase da Copa do Brasil. No jogo de volta que será realizado na casa do adversário, em Natal, o Cruzmaltino entrará em campo com a vantagem de poder empatar ou até perder por 1 a 0.

O Jogo
Assim que o árbitro deu início a partida em São Januário, o Vasco saiu em busca da vitória, por dias melhores na Colina. Porém, em menos de cinco minutos de jogo, Henrique sentiu muitas dores e não conseguiu permanecer em campo. A primeira melhor chance no Cruzmaltino veio aos 17 minutos, mas, Biancucchi não soube finalizar e se embolou ao ficar cara a cara com o goleiro.

Após o lance, a equipe carioca cresceu e começou a ditar o ritmo na partida. Dagoberto, foi o destaque do primeiro tempo. O atacante, era o que mais finalizava, porém, faltava um pouco mais de pontaria para marcar. Apesar das chances desperdiçadas, o Vasco conseguiu balançar as redes no finalzinho da primeira etapa. Em cobrança de escanteio, aos 47 minutos, Anderson Salles cruzou para Riascos que de cabeça mandou a bola na trave, no rebote Herrera testou para o gol, abrindo o placar em São Januário.

De volta ao gramado, o Cruzmaltino bobeou logo nos primeiros minutos. Em jogada perigosa, Jordi espalmou, Aislan furou ao tentar tirar a bola, que sobrou para Reis igualar o placaar em 1 a 1. Mas a reação da equipe de Natal não durou muito tempo. Minutos depois, Jhon Cley foi derrubado na área e o juiz marcou pênalti. Na cobrança, Anderson Salles mandou no canto direito e voltou a deixar o Vasco na frente do placar.

Ao longo do segundo tempo a partida foi caindo de produção. O Cruzmaltino se fechou e o América-RN suava para chegar ao ataque do time carioca. As duas equipes mantinham a troca de passes. A fim de ampliar a vantagem, para enfim respirar no confronto, mas o Vasco resolveu arriscar novamente. Aos 33, Emanuel Biancucchi aproveitou o erro do adversário e mandou uma bomba no ângulo, fazendo 3 a 1 para o Vasco.

Minutos depois Dagoberto acabou levando o segundo cartão amarelo na partida e foi expulso. Mesmo com um a menos em campo, o Cruzmaltino manteve a superioridade e soube administrar a vitória, garantindo a vantagem para o jogo da volta.

FICHA TÉCNICA:

VASCO 3X1 AMÉRICA-RN
Estádio: São Januário Árbitro: Thiago Duarte Peixoto Gols: Herrera (Vasco, aos 47' do 1ºT); Reis (América-RN, aos 7'do 2º'T); Anderson Salles (Vasco, 17' do 2ºT); Emanuel Biancucchi (Vasco, aos 33' do 2ºT) Cartão amarelo: Dagoberto, Christiano (Vasco); Flávio Boaventura (América-RN) Cartão vermelho: Dagoberto (Vasco)

VASCO : Jordi; Madson, Aislan, Rodrigo e Henrique Silva (Christiano, aos 6' do 1ºT); Guiñazu, Anderson Salles, Emmanuel Biancucchi e Herrera (Thalles, aos 27' do 2ºT); Dagoberto e Riascos (Jhon Cley, aos 10' do 2ºT); Técnico: Celso Roth.

AMÉRICA-RN: Busatto; Lucas Newton, Cleber, Flávio Boaventura e Rafael Estevam (Gláucio, aos 30' do 2ºT); Judson, Zé Antônio Pereira, Álvaro; Marcelo Maciel (Reis, no intervalo), Adriano Pardal (Bruno Farias, aos 41' do 2ºT) e Cascata; Técnico: Roberto Fernandes.

Nenhum comentário:

Ser Vasco