✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Assista os jogos do seu time no "Futebol ao Vivo" ✠ Seja também um Sócio Torcedor do Gigante da Colina ✠ Clique na aba "Sócio Gigante" e inscreva-se no programa de sócio torcedor do C. R. Vasco da Gama ✠
Clique na Imagem

Vasco derrota o Flu no Maracanã e estraga festa de R-10

Vascaínos comemoram golaço de  Jhon Cley
O Vasco colocou água no chope do Fluminense. No dia em que o Tricolor organizou uma festa antes do inicio da partida para apresentação de Ronaldinho, foi o Gigante da Colina quem levou a melhor, conquistando uma boa vitória sobre o rival por 2 a 1, no Maracanã. Com o resultado, o Cruzmaltino chega aos 12 pontos e segue numa crescente, ficando mais próximo de sair da zona de risco. O Vasco volta a jogar pelo Brasileiro no próximo domingo, às 18h30, quando recebe o Palmeiras em São Januário. Antes, entra em campo pela Copa do Brasil, onde enfrentará o América-RN, nesta quarta-feira, às 22h, em Natal.

O JOGO
O clássico começou bastante disputado. Jogando com muita determinação, o Vasco não se intimidou com a festa da torcida tricolor. O Gigante da Colina conseguia manter mais a posse de bola no ataque enquanto o Fluminense tinha dificuldades para sair jogando.

Porém, com o passar do tempo, o Tricolor foi equilibrando o jogo, mas sem criar nenhuma grande oportunidade, só aumentando a posse de bola. O Fluminense chegou a assustar a meta de Jordi num chute de fora da área de Giovanni e numa falta cobrada por Jean.

Quando a partida já parecia terminar empatada na sua primeira etapa, o Vasco conseguiu o seu gol. Jhon Cley fez boa jogada pela direita e cruzou para área, Andrezinho subiu mais que o zagueiro Gum e de cabeça, deixou o Gigante da Colina em vantagem.

Para a segunda etapa, as equipes voltaram com a mesma disposição, mas o Fluminense teve um problema logo no começo. Giovanni sofreu uma lesão e teve que sair, no seu lugar entrou Osvaldo. A lateral-esquerda passou a ser feita por Gustavo Scarpa.

O jogo ficou bastante aberto, com ambas equipes buscando o gol. Em um rápido contra-ataque Christianno teve a chance de ampliar o placar, mas Cavalieri salvou o gol com uma boa defesa. No lance seguinte, o Fluminense chegou ao empate. Gerson lançou para Marcos Júnior que finalizou forte, sem chances de defesa para Jordi.

Aos 25 minutos, o Vasco voltou a ficar na frente no placar. Em uma boa jogada do time cruzmaltino, Jhon Cley avançou com a bola e acertou um belo chute, marcando um golaço, sem nenhuma chance de defesa para Diego Cavalieri. Com o gol, o Tricolor ficou um pouco atordoado e quase levou o terceiro gol, quando Thalles chutou na rede pelo lado de fora, após falha de Antônio Carlos.

Fred até então sumido da partida, ainda teve uma chance aos 35 minutos. Wellington Silva cruzou na medida para o atacante, que cabeceou para boa defesa de Jordi. O técnico tricolor ainda colocou Magno Alves em campo, mas a vitória vascaína já estava garantida.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1 X 2 VASCO
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data-Hora: 19/7/2015 - 16h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (Fifa-SP)
Renda e público: R$ 1.816.345,00 / 37.687 pagantes / 41.764 presentes
Cartões amarelos: Anderson Salles, Christianno, Jhon Cley, Jordi e Serginho (VAS); Gerson, Marcos Junior (FLU);
Gols: Andrezinho 39'/1ºT (0-1), Marcos Junior 13'/2ºT (1-1) e Jhon Cley 25'/2ºT (1-2).

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Wellington Silva, Gum, Antonio Carlos e Giovanni (Osvaldo 6'/2ºT); Edson (Higor 38'/2ºT) e Jean; Gustavo Scarpa, Marcos Júnior e Gerson (Magno Alves 35'/2ºT); Fred - Técnico: Enderson Moreira.
VASCO: Jordi, Madson, Aislan, Rodrigo e Christianno; Anderson Salles, Serginho, Andrezinho e Jhon Cley (Emanuel Biancucchi 33'/2ºT); Herrera (Riascos 19'/2ºT) e Dagoberto (Thalles 28'/2ºT) - Técnico: Celso Roth.

Nenhum comentário:

Ser Vasco