✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Assista os jogos do seu time no "Futebol ao Vivo" ✠ Seja também um Sócio Torcedor do Gigante da Colina ✠ Clique na aba "Sócio Gigante" e inscreva-se no programa de sócio torcedor do C. R. Vasco da Gama ✠
Clique na Imagem

Com um a menos, Vasco empata com o Corinthians

Nenê deu o passe para o gol do Vasco
Jogando com um jogador a menos desde os 15 minutos do segundo tempo, o Vasco foi bastante guerreiro, saiu na frente, mas não conseguiu vencer o Corinthians em São Januário. O Gigante da Colina ficou no empate em 1 a 1 com o Timão e viu a distância para a sair da zona de rebaixamento chegar a quatro pontos, faltando três rodadas para o fim da competição.

A equipe paulista não venceu, mas se sagrou campeã porque o Atlético-MG perdeu para o São Paulo. Na próxima rodada, no domingo, o Vasco enfrenta o Joinville, em Santa Catarina.

O primeiro tempo entre Vasco e Corinthians foi bastante equilibrado com leve favoritismo para o Vasco. Influenciados pela sua torcida, o Gigante acelerou a partida logo no começo. A primeira oportunidade foi criada por Riascos que recebeu passe de Nenê e finalizou em cima do goleiro Cássio.

O Gigante chegou novamente com Riascos. O jogador recebeu na entrada da área e chutou para boa defesa do arqueiro corintiano. Logo depois, Rodrigo quase marcou em cruzamento, que Cássio saiu mal, porém, a bola encobriu a meta do Corinthians.

Próximo do intervalo, o Timão cresceu e teve duas boas chances, ambas com Jadson. Na primeiro, o apoiador fez bela jogada, cortou para o meio e bateu para defesa de Martin Silva. A outra foi no último minuto da etapa inicial, em cobrança de falta do meia, que o goleiro uruguaio se mostrou bem atento e salvou.

O segundo tempo começou em ritmo semelhante. A primeira chance de gol foi do Vasco com Nenê, mas o jogador chutou para fora. As coisas ficaram mais complicadas para o Vasco aos 15 minutos. Rodrigo acertou uma voadora em Malcom e foi expulso.

Só que o clube carioca foi guerreiro e não se abalou com a expulsão. Aos 28 minutos, o Vasco fez seu gol. Nenê deu belo passe para Julio Cesar, que tocou na saída de Cássio, abrindo o placar em São Januário.

Atrás do placar, o Corinthians se lançou ao ataque. Edilson fez bela jogada e colocou a bola na cabeça de Lucca, que cabeceou para fora, tirando fino da baliza de Martin Silva. Aos 36 minutos, não teve jeito. Após levantamento para a área, Love cabeceou para o fundo da rede, deixando tudo igual.

Mesmo com o título já garantido, pela vitória do São Paulo sobre o Atlético-MG, o Corinthians seguia atacando. Jadson arriscou de fora da área, levando perigo ao goleiro Martin Silva. Sem muita força, o Vasco não conseguia ameaçar. Daí pra frente, o Timão passou a tocar a bola com o jogo terminado empatado.

FICHA TÉCNICA
VASCO 1 X 1 CORINTHIANS
Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ) Árbitro: Anderson Daronco (RS) Público/Renda: 17.225 pagantes Cartões amarelos: Rodrigo e Diguinho (VAS); Jadson, Edílson e Lucca (COR) Cartão vermelho: Rodrigo (VAS) Gol: Julio Cesar, 26'/2ºT (1-0); Vagner Love, 36'/2ºT (2-0)

VASCO: Martin Silva, Madson, Luan, Rodrigo e Julio Cesar; Diguinho (Rafael Vaz, 17'/2ºT), Serginho, Andrezinho e Nenê; Riascos (Eder Luis, 23'/2ºT) e Rafael Silva (Jorge Henrique, 12'/2ºT) - Técnico: Jorginho.

CORINTHIANS: Cássio, Edílson, Felipe, Gil e Guilherme Arana; Ralf (Bruno Henrique, 31/2ºT), Elias (Lucca, 25'/2ºT), Jadson e Renato Augusto (Rodriguinho, 15'/2ºT); Malcom e Vagner Love - Técnico: Tite

Nenhum comentário:

Ser Vasco