✠ Olá visitante, seja bem-vindo ao Blog da Cruz de Malta ✠ Clique em "Futebol ao Vivo" e assista os jogos do seu time em nosso site ✠ Seja um sócio torcedor do Club de Regatas Vasco da Gama ✠ Entre em https://socio-vasco.futebolcard.com/ e inscreva-se no programa Sócio Torcedor Gigante ✠
Clique na Imagem

Com gol de Nenê, Vasco vence o Atlético-GO e fica no G-6 do Brasileirão

Nenê fez o gol que garantiu a vitória cruzmaltina
Jogando em casa, o Vasco garantiu mais três pontos no Campeonato Brasileiro, neste domingo. O Cruzmaltino recebeu o Atlético-GO, em São Januário, e contou com Nenê para comandar a vitória, por 1 a 0, pela décima rodada da competição nacional. Com o resultado, a equipe carioca chegou aos 15 pontos e está entre os seis primeiros na classificação do Campeonato Brasileiro. Nenê foi o destaque da partida com um gol. Ainda pode haver mudanças na tabela porque ainda há mais jogos nesta rodada da competição. No próximo domingo, o Vasco volta aos gramados pelo Brasileirão. O rival será o Coritiba, no Couto Pereira. Já o Atlético-GO joga no sábado contra o Santos, no Estádio Olímpico.

A primeira oportunidade da partida foi do Atlético. Andrigo cobrou escanteio com força, Roger Carvalho desviou de cabeça, e Everaldo fez a primeira finalização do jogo. A bola ficou com Martín Silva, que defendeu sem dar rebote.

Aos oito minutos o Vasco respondeu. Nenê recebeu lançamento com liberdade pela esquerda e cruzou com muito perigo. Douglas dividiu com Roger Carvalho e mandou para fora. Mas o gol cruzmaltino não demoraria a sair. Luis Fabiano foi derrubado na entrada da meia-lua e aos 27 minutos, Nenê cobrou falta com perfeição e mandou a bola no canto esquerdo do goleiro Felipe, que não tinha chances de defesa.

Antes do intervalo, ainda teve tempo para uma verdadeira 'lambança' do goleiro do Atlético-GO, que tentou tentou driblar Yago Pikachu e perdeu a bola na pequena área. O meia do Vasco rolou para Luis Fabiano, que não conseguiu fazer a finalização.

A etapa final da partida foi marcada por um pênalti não marcado a favor do Vasco. Aos 22 minutos, Nenê arrancou pela esquerda da áera, foi tocado e caiu, mas o árbitro não marcou a penalidade máxima e a equipe carioca foi a loucura.

Tentando buscar o empate para o Dragão, Eduardo tentou jogada no lado direito, mas acabou sendo interceptado pela defesa vascaína. A equipe visitante tentou ser mais presente no ataque, mas não criou chances claras de gol.

FICHA TÉCNICA:
VASCO 1 X 0 ATLÉTICO-GO

LOCAL - Estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ).
ÁRBITRO - Dyorgines José Padovani de Andrade (ES).
RENDA - R$ 646.845,00.
PÚBLICO - 19.380 pagantes (20.658 total).
CARTÕES AMARELOS - Douglas e Luis Fabiano (Vasco).
GOL - Nenê, aos 27 minutos do primeiro tempo. 

VASCO - Martín Silva; Gilberto, Breno, Paulão e Henrique; Jean, Douglas, Mateus Vidal, Yago Pikachu (Wagner) e Nenê (Escudero); Luis Fabiano (Thalles).
Técnico: Milton Mendes.

ATLÉTICO-GO - Felipe Garcia; André Castro (Eduardo), Eduardo Gabriel, Roger Carvalho e Breno Lopes; Marcão, Silva (Walterson), Andrigo (Diego Rosa) e Jorginho; Luis Fernando e Everaldo.
Técnico: Doriva.


Nenhum comentário: