✠ Bem-vindo ao Blog Da Cruz De Malta ✠ Seja Um Sócio Torcedor Gigante do C.R. Vasco da Gama ✠ Clique no link abaixo e escolha sua melhor opção ✠ Boas Festas e Feliz Ano Novo ✠
https://socio-vasco.futebolcard.com/
Clique na Imagem

30.3.18

Em jogo emocionante, Vasco vence de virada e elimina o Fluminense do Carioca

Fabrício fez o gol da vitória cruzmaltina
O Vasco desfez a vantagem do Tricolor e de virada, confirmou a presença na final do Carioca, domingo, contra o Botafogo, com a vitória de 3 a 2, sobre o Fluminense no Maracanã. Giovanni Augusto e Paulinho marcaram para o Cruzmaltino, mas o papel de herói da classificação coube a Fabrício. Descontaram para o Fluminense, Pedro e Sornoza, mas não foi suficiente. Com isso, Zé Ricardo mantém a invencibilidade contra Abel Braga, com quatro vitórias e três empates. Fiel ao esquema que levou o Fluminense ao título da Taça Rio e, consequentemente, à semifinal do Carioca, o técnico Abel foi surpreendido pela escalação de Zé Ricardo.

27.3.18

Giovanni Augusto se recupera e pode voltar ao Vasco contra o Fluminense

Giovanni Augusto retorna como opção no clássico.
Em sua estreia pelo Vasco, Giovanni Augusto sofreu uma lesão no joelho que o deixou de fora por quase um mês. Agora já recuperado da contusão, ele vem treinando com o grupo, e a expectativa da comissão técnica é pela presença do meia no jogo desta quinta feira, contra o Fluminense pela semifinal do Carioca. O meia, afirma que está se sentindo muito bem e que conseguiu se recuperar totalmente, antes do prazo previsto. Aos poucos, o atleta vem ganhando condicionamento físico e ainda terá mais alguns dias para trabalhar. O jogador garante que vai se esforçar ao máximo para estar à disposição do técnico Zé Ricardo para o jogo decisivo contra o Fluminense.

19.3.18

Vasco vence o Botafogo em clássico movimentado pela Taça Rio

Paulinho jogou bem e fez o gol da vitória cruzmaltina
Em um jogo disputado com muita disposição, e cinco gols anotados no placar. Botafogo e Vasco fizeram um clássico movimentado, neste domingo, no estádio Nilton Santos. Mas apesar da vitória cruzmaltina, por 3 a 2, o resultado foi comemorado pelas duas equipes, que se classificaram para as semifinais da Taça Rio e voltam a se enfrentar na próxima semana. Destaque do jogo para o gol de letra de Riascos, e a lamentar, a grave lesão sofrida pelo meia alvinegro João Paulo. Os gols do Cruzmaltino, foram marcados por Riascos, André Rios e Paulinho. Descontaram para o Alvinegro, Rodrigo Lindoso, de pênalti, e Brenner.

16.3.18

Thiago Galhardo retorna ao time e projeta um bom jogo diante do Botafogo

Thiago Galhardo treinou no C.T. das Vargens
O Vasco da Gama cumpriu na manhã desta quinta-feira 15-03, mais uma etapa de sua preparação para o clássico contra o Botafogo. No C.T. das Vargens, a comissão técnica cruzmaltina promoveu uma série de atividades físicas e técnicas. Os trabalhos foram iniciados na academia do CAPRRES sob supervisão do preparador físico Ricardo Henriques. Na sequência, já no gramado, o treinador Zé Ricardo comandou a movimentação. Com 10 pontos somados, o Vasco lidera o Grupo B da Taça Rio, porém ainda não está garantido na semifinal.

14.3.18

Defesa vacila e Vasco perde na estreia da fase de grupos da Libertadores

La U exerceu forte marcação sobre o time do Vasco
Com grande parte da equipe acometida por uma gastroenterite virótica, o Vasco estreou na fase de grupos da Libertadores contra a equipe da Universidad do Chile. E foi numa jogada isolada, iniciada em cobrança de lateral, que Araos passou por Paulão e marcou o único gol da partida, garantindo a vitória do time chileno sobre o Vasco, em São Januário. A estreia do Cruzmaltino na fase de grupos começou com festa, mas terminou com vaias e desconfiança do torcedor. Nos próximos confrontos, o Vasco enfrentará as equipes do Cruzeiro e do Racing com a obrigação de vencer fora de casa para se manter vivo na competição continental. Além da virose, que acometeu oito jogadores do time cruzmaltino antes da partida, a ansiedade também, foi outro adversário que atrapalhou o time do Vasco no jogo de estréia da fase de grupos da Libertadores.

10.3.18

Vasco vence o Madureira e assume liderança do Grupo B da Taça Rio

Vascaínos festejam o gol marcado por Evander
Em seu último compromisso antes da estreia na fase de grupos da Copa Libertadores 2018, o Vasco fez bonito e conquistou uma importante vitória pelo Campeonato Carioca. Jogando no Estádio de Moça Bonita, em Bangu, o Cruzmaltino derrotou o Madureira por 3 a 1 e assumiu a liderança do Grupo B da Taça Rio, garantindo praticamente um lugar na semifinal do segundo turno. Com gols de Evander, Andrés Ríos e Rildo, o triunfo fez também o Cruzmaltino subir na classificação geral do Estadual. Se a Portuguesa não derrotar a Cabofriense no domingo, o Vasco precisará apenas de uma vitória sobre o Botafogo para se garantir na fase decisiva do Carioca. Antes dessa partida, entretanto, o Cruzmaltino irá atuar pela Libertadores, na terça feira, às 21h30, em São Januário, diante da Universidad de Chile.

Vasco acerta com volante Bruno Silva para a disputa da Libertadores

Bruno Silva pode jogar como volante ou zagueiro
No último dia para inscrever jogadores para a fase de grupos da Libertadores, o Vasco acertou com mais um reforço para completar a lista de 30 nomes que disputarão a competição pelo clube carioca. Bruno Silva defende a equipe da Ferroviária-SP e atua tanto de zagueiro, quanto volante. O jogador é uma indicação do técnico Zé Ricardo. O Vasco fez a sua inscrição provisória na Conmebol, mas a assinatura do contrato está prevista para o início da próxima semana, para que assim, o clube possa fazer a inscrição definitiva.

Bruno Silva é formado nas categorias de base do São Paulo onde atuou com o zagueiro Breno e foi campeão brasileiro em 2008, sendo escalado por Muricy Ramalho como volante. Em 2016, Bruno participou do elenco do Audax, onde foi vice-campeão paulista com o técnico Fernando Diniz. Ele também tem passagens por Novo Hamburgo, Oeste e Santa Cruz.

7.3.18

Em jogo equilibrado, Vasco e Fluminense não saíram do 0 x 0

Riascos lutou muito e quase marcou um bonito gol
Em um jogo marcado pelo duelo tático entre os treinadores Abel Braga e Zé Ricardo, Vasco e Fluminense empataram em 0 a 0, no Engenhão. Se sobraram variações táticas ao longo dos 90 minutos, faltou criatividade e pontaria dos dois lados, para a decepção das torcidas. Para quebrar a invencibilidade do Fluminense, Zé Ricardo surpreendeu ao espelhar o esquema tricolor. Com três zagueiros, o treinador apostou em quantidade para suprir os problemas da defesa. De quebra, tentou liberar Henrique e Pikachu, artilheiro da equipe no ano, com seis gols. No entanto, Wagner foi o solitário armador que tentou municiar a dupla Rildo e Riascos, outra surpresa na escalação. Paulinho e Andrés Ríos iniciaram o clássico no banco.

4.3.18

Em jogo movimentado de 7 gols, Vasco vence o Boavista de virada

Thiago Galhardo fez o segundo gol do Vasco
Em um jogo recheado de emoções e lances bizarros, mesmo sem jogar bem, o Vasco deu um grande passo rumo às semifinais da Taça Rio. Em nova virada dramática, o Cruzmaltino venceu o Boavista, por 4 a 3, neste domingo, no Estádio Kleber Andrade e assumiu a liderança do Grupo B, com seis pontos ganhos, ao lado do Flamengo, mas com vantagem, por ter o maior número de gols marcados. Na próxima quarta-feira, o Vasco enfrenta o Fluminense no estádio Nilton Santos pela quarta rodada da Taça Rio, em outro teste para cardíacos. Já o Boa Vista irá a Volta Redonda, onde enfrentará o Flamengo no estádio Raulino de Oliveira.

3.3.18

Com gol de Riascos, Vasco garante vitória de virada sobre o Macaé

Vasco conseguiu o gol da virada nos acréscimos
O Vasco venceu o Macaé por 2 a 1 nesta quinta-feira, em São Januário e subiu na tabela da Taça Rio. Para vencer o confronto contra o Alvianil Praiano, o time do técnico Zé Ricardo transformou o veneno em antídoto. Se nos dois últimos jogos o time sofreu alguns gols de cabeça, desta vez a equipe usou o jogo aéreo para chegar aos três pontos e empatar com o Flamengo na liderança do Grupo B, no segundo turno do Campeonato Carioca. Para o Gigante da Colina, que vinha de duas derrotas recentes para Jorge Wilstermann e Portuguesa, o resultado trouxe uma sensação de alívio. Os erros cometidos em campo deixam claro que Zé Ricardo ainda tem muito trabalho pela frente. O poder de reação do time, celebrado pela torcida que deixou o estádio cantando que “O Vasco é time da virada”, dá esperança de que existe uma perspectiva de evolução.

✠ O BLOG DA CRUZ DE MALTA SAÚDA A TODOS OS PATROCINADORES DO C. R. VASCO DA GAMA ✠

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •